sexta-feira, 18 de maio de 2007

Quinta da Regaleira

No domingo, dia 13 fomos até à Quinta da Regaleira, ali para os lados de Sintra.

Falando um pouco de cultura e tal, a história da Quinta começa por volta do ano 1892 quando Carvalho Monteiro, conhecido como Monteiro dos Milhões por ser herdeiro de uma grande fortuna familiar derivada do monopólio do comércio de café e pedras preciosas, decide comprar a dita Quinta por 25 contos de réis! Uma verdadeira pechincha!!

O Monteiro dos Milhões que não sabia o que fazer a tanto dinheiro, decide escolher o arquitecto italiano Luigi Manini para elaborar a concepção da Regaleira. Basicamente, o Monteiro dos Milhões queria gastar dinheiro e o Manini explorou ao máximo essa vontade!

É um sítio de facto muito bonito e onde se passa uma tarde fantástica.

Óh pra mim à varanda!! Até que não fiquei mal :D Isso deve-se apenas ao excelente empenho e muito boa qualidade do fotógrafo... ai, queria dizer da máquina fotográfica (que cabeça a minha)!!

Um dos sítios onde não fomos :((

Existem várias passagens internas, mas completamente ás escuras. Não levámos lanterna, por isso a visita a algumas grutas fica adiada para uma próxima vez, certo querido fotógrafo? :p

A Quinta tem uma variedade imensa de estilos, sendo a mais representativa a arte Gótica. Mas são evidentes os traços manuelinos, passando pelos símbolos esotéricos relacionados com a maçonaria e também a influência dos Templários. Exemplo desta última é a cruz templária no fundo do Poço Iniciático.

De 15 em 15 degraus, descem-se os 9 patamares deste poço feito em espiral até ás profundezas da terra. Estes 9 patamares são alusivos aos 9 círculos do inferno, ás 9 secções do purgatório e aos 9 céus do paraíso, que Dante consagrou na Divina Comédia.

Há ainda um outro poço, denominado Poço Imperfeito. Não é tão elaborado como o poço iniciático, mas é igualmente curioso.


Ao longo da visita à Quinta, deparamo-nos com lagos, fontes, torres, terraços, grutas, capelas e finalmente o palácio da quinta.

O estilo manuelino está presente na fachada do palácio, onde se destacam os nós, cordas, laçadas e frisos. Por outro lado, a arte gótica é representada pela sucessão de capitéis, gárgulas e pináculos ogivais.



Sem dúvida alguma, recomendo vivamente uma visita à Quinta da Regaleira, não esquecendo as lanternas e os ténis!!

Do palácio da Quinta avistam-se o Palácio da Pena e o Castelo dos Mouros.
Querido amigo fotógrafo, próxima paragem... Palácio da Pena?


21 comentários:

  1. Muito agradecida pela aula de historia. Mas que bem estava a menina à janela.
    Já agora dê os parabens ao fotografo...

    bjs

    ResponderEliminar
  2. Já tinha em mente fazer por lá uma visitinha mais a Maria, mas agora, depois do teu post, estou decidido, talvez no próximo fds, se estiver bom tempo. Bigada pla dica chavala

    ResponderEliminar
  3. Gaja boa sempre ás ordens ;) Não comeces a perguntar é coisas muito complexas que ás vezes tenho o dispositivo loira activo hehehe
    Beijocas e parabens entregues ;)

    ResponderEliminar
  4. Acido vão que vale bem a pena! Mas vai de lanterna, não faças como eu.. :s
    Beijocas para ti e para a Maria :D

    ResponderEliminar
  5. que maravilha... so de ver as fotos dá-me vontade de conhecer essa quinta também.
    um bom começo de semana para ti. beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Hello Teresa, uma boa semana para ti tb ;)
    E vai conhecer a Quinta, quem sabe não ficas com alguma ideia para mais trabalhos teus :)
    Beijoca

    ResponderEliminar
  7. jfs ;)
    Tens que dar um pulinho cá abaixo!
    Beijos

    ResponderEliminar
  8. ai é treta?
    ok convites da treta nao quero
    ...mas os convites da treta sao só para mim?

    ResponderEliminar
  9. ai as pessoas sabem?
    mas como é que tu sabes que sabem ?

    ResponderEliminar
  10. pois foi desculpa...mas ao ler estes comentarios parece que fui 2ª escolha...bem nem todos têm sorte de ser 1ª

    ResponderEliminar
  11. Como se costuma dizer... "falas de barriga cheia" e mais n digo

    ResponderEliminar
  12. quem quem???
    estas me a gozar por ter a barriga grande né...
    ...és uma porca

    ResponderEliminar
  13. Não é bem esse o animal correcto loool
    Não me irrites Bruninho!!

    ResponderEliminar
  14. era naquele poço que cortavam o pescoço às virgens nerá????

    :D

    ResponderEliminar
  15. Não ias fazer qualquer coisa com ferros?? Parece-me que aqui o viciado na net és tu Br!! :p :p

    ResponderEliminar
  16. sou? talvez...vou me injectar...tipo com bits e bytes, é mesmo à maluka, sempre a tripar lol

    mas quem esta de "castigo" és tu lol

    ResponderEliminar
  17. De lanterna??? Hummm, brigada pela dica,,,, valeu!!!!

    ResponderEliminar

Se vieste até aqui... deixa umas letrinhas ;)